Skip to main content

A Receita Federal está empenhada na implementação do modelo unificado da Nota Fiscal de Serviço Eletrônica (NFS-e) em todos os municípios do país até o final deste ano de 2024.

Segundo o auditor da Receita, Adriano Subirá, o órgão está testemunhando um avanço notável na implementação.

“Nossa expectativa é alcançar, até o final deste ano, uma adesão virtual de 100% dos municípios. Além disso, é crucial ressaltar que essa adesão nos incentiva a atentar às demandas e críticas dos profissionais da contabilidade, visando constantemente aprimorar o sistema”, destacou Subirá.

O objetivo da implementação unificada é simplificar e padronizar a emissão das notas fiscais de serviços, visando às mudanças no sistema de arrecadação que virão devido à reforma tributária.

Conforme analisa o vice-presidente de desenvolvimento profissional do Conselho Regional de Contabilidade do Paraná (CRCPR), Laudelino Jochem, “essa modificação trará um impacto direto sobre o ambiente competitivo das empresas de contabilidade. Atualmente, enfrentamos um grande desafio na captação de clientes em outras localidades, especialmente os pequenos escritórios, devido às divergências nos layouts das notas fiscais adotadas por cada município”.

Ainda vale lembrar que no dia 1º de setembro do ano passado, a emissão da NFS-e se tornou obrigatória para os Microempreendedores Individuais (MEIs), apesar disso, para as demais empresas e municípios, a adesão e utilização do sistema da Receita para emitir as notas continuam sendo opcionais.

Com isso, a grande mudança está na possibilidade de compartilhamento das notas emitidas no Ambiente de Dados Nacional da NFS-e (AND), o que acaba facilitando o manejo por profissionais da contabilidade.

Com informações do CRCPR

Leave a Reply

Informações Gerais

Endereço:
R. Mar de Sufe, 114 - JARDIM IMPERIAL, Manaus - AM, 69058-438

WatsApp:
92 99994-1651